Fechar Menu
Abrir Menu

Município de Felgueiras aposta na formação para ter uma sociedade mais igualitária

A Câmara Municipal de Felgueiras promoveu uma formação sobre Orientação Sexual e Identidade de Género, desenvolvida no âmbito do Plano Municipal para a Igualdade e Não Discriminação.

As sessões de formação passam por intervir junto de públicos estratégicos e preveem erradicar a discriminação em função da orientação sexual e da identidade de género.

A Vereadora da Ação Social, Rosa Pinto realça que esta iniciativa insere-se , “no trabalho que está a ser desenvolvido pela Câmara Municipal no sentido de formar uma sociedade mais respeitadora da diferença e, por isso, mais igualitária”.

Rosa Pinto considera que esta ação pedagógica ganha maior importância  estando a ser desenvolvida num dos concelhos com a população mais jovem do país e da europa, como é o caso de Felgueiras.

A formação pretende refletir sobre as especificidades da discriminação contra pessoas Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transsexuais – LGBT, nomeadamente os crimes de ódio e violência doméstica, realçando os direitos das pessoas LGBT. “Temos que desmistificar preconceitos e isso só se consegue conversando, trocando perspetivas e desconstruindo ideias mal concebidas”, referiu a vereadora da Coesão e Ação Social. “A presença da comunidade educativa nesta ação de formação foi fundamental para que se possa intervir o mais rápido possível, evitando problemas como o bullying escolar contra jovens LGBTI”, completou.

Esta ação destinou-se essencialmente a professores, educadores, psicólogos, técnicos da área social e técnicos do Município.

De momento, está também a decorrer formação de Técnico de Apoio à Vítima, que garantirá competências aos técnicos para intervir junto de vítimas de violência doméstica.

Mais notícias
Eleições Europeias 2024